domingo, novembro 20, 2011

Sweat a la mode

Esta coisa de se ser fã de uma banda ou artista tem vários níveis de dedicação. Podemos ficar pelos discos, pelos concertos, pelo saltar frenético para a pista de dança quando começa a tal música da nossa banda favorita. Podemos colecionar, aqui e ali, objetos ou recortes de jornais e revistas, gravar programas de rádio, de TV, ter aquele toque especial no telemóvel. Podemos, voltando aos concertos, abrir os nossos horizontes (e, já agora, os cordões à bolsa) e ir ao encontro da banda ou do artista preferido em palcos estrangeiros, mais ou menos longínquos. E podemos, também, vestir-nos com a música de que gostamos, autênticas billboards ambulantes que transmitem uma mensagem musical a quem olha (e inveja, esperamos nós). Nunca me incluí neste último tipo, o fã-da-tshirt, não porque tivesse algum tipo de preconceito ou vergonha em relação a mostrar aquilo de que gosto, mas pela simples razão de que este mercado, quando eu era adolescente, era caro e muitas vezes inacessível.
Nos últimos anos, dei por mim a contrariar esta tendência. Ainda esta semana, chegou-me via CTT a sweat que adquiri ao Depeche Mode Fanclub de Portugal. De cor preta, esta sweat tem, à frente, o verso Take Me In Your Arms, retirado do tema Black Celebration, e atrás a referência ao clube de fãs. É muito confortável e fica-me muitíssimo bem, já agora, como se pode constatar nas imagens. Uma prenda de Natal antecipada que me ofereci a mim mesmo.

4 comentários:

Zaira Wardrope disse...

Também quero...... :)

tarzanboy disse...

É só encomendar, Zaira :)

LM disse...

Puxa pá, dei por mim a pensar fazer eu tshirt's com a cara o George Michael estampada, de tão caras que são as originais...:(

tarzanboy disse...

LM, é só uma questão de criatividade :)